AVALIAÇÃO DA GESTÃO DE ESTOQUE EM UMA MICROEMPRESA DE AUTOPEÇAS UTILIZANDO A CURVA ABC COMO FERRAMENTA DE APOIO

  • Paulo Pinto Ribeiro UNIRG

Resumo

A gestão de estoque é um mecanismo primordial para que uma empresa consiga ter sobrevivência em um mercado globalizado, competitivo e cada vez mais exigente. A curva ABC, utilizada em inúmeras empresas de médio e grande porte em várias localidades, é deixada de lado por um significativo percentual de micro e pequenas empresas; estas, desconhecendo ou inutilizando os métodos de classificação, podem provocar consequências negativas à empresa, diante da concorrência quando se refere ao cliente, preço e disponibilidade do produto. Este artigo constitui se num estudo de caso, cuja proposta é o uso da curva ABC em uma microempresa de autopeças, objetivando identificar os produtos com maior rotação, com vistas a reduzir custos e aumentar a produtividade. Nesta pesquisa, aplicou-se o método exploratório e descritivo, em que se construiu a lista dos produtos vendidos e seus respectivos valores unitários, resultando a tabela ABC. Essa especificação possibilitou identificar quais produtos devem sempre estar disponíveis ao cliente, como também aqueles que podem ser reduzidos ou até mesmo sendo removidos do estoque, a depender da rotatividade dos mesmos; consequentemente, aflorada a curva ABC. Identificados os pontos vulneráveis, concluiu-se com alternativas que sugerem melhor prática de gestão na microempresa, de modo que o administrador visualize os benefícios que a ferramenta trará a partir da sua implantação.

 

Palavras-chave: Microempresa. Gerenciamento de estoque. Curva ABC

Publicado
2020-07-05