MULHERES TOCANTINENSES: acesso às operações de crédito ao amparo do PRONAF

  • Claudia da Luz Carvelli Centro Universitário UnirG

Resumo

A agricultura familiar caracteriza-se através da relação entre terra, trabalho e família. O estado do Tocantins possui 8.529 estabelecimentos agropecuários que obtiveram financiamentos ou empréstimos para investimento, custeio, comercialização e manutenção provenientes, na sua maioria, do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – PRONAF que, para obter acesso, é necessária a aquisição da Declaração de Aptidão ao Pronaf – DAP. Este trabalho teve como objetivo investigar a quantificação das mulheres tocantinenses que acessaram as operações de crédito ao amparo do PRONAF no recorte temporal de 13 a 19 de outubro de 2018. A pesquisa é exploratória e documental, utilizando-se dos extratos emitidos pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAD) disponível em sítio eletrônico. Como resultado, identificou-se 65.240 DAPs emitidas nos 139 municípios do Estado do Tocantins, ressaltando 19.990 DAPs para mulheres, representando um percentual de 31% das expedições; a região V realizou a maioria das emissões: 2.299 DAPs para as tocantinenses; o município de Araguatins da Região I expediu o maior número de DAPs: 1.114 declarações no Estado do Tocantins. 

Publicado
2020-10-16
Seção
Artigos