A relação da alimentação com o surgimento de doenças oncológicas: avaliação do conhecimento de universitários brasileiros

  • Yasmin Moreira da Silva Universidade Brasil
  • Leda Ferraz Universidade Brasil
  • Danila Fernanda Rodrigues Frias Universidade Brasil

Resumo

Introdução: A alimentação e a nutrição inadequadas são responsáveis por grande parte dos casos de doenças oncológicas no Brasil. Objetivo: Avaliar o nível de conhecimento de universitários sobre a relação da alimentação com o surgimento de doenças oncológicas. Metodologia: Realizou-se entrevistas com 188 discentes de diversos cursos de graduação. Os dados obtidos foram tabulados e analisados por meio de cálculo de médias simples, números absolutos e porcentagem. Resultados: A ocorrência de câncer em membro da família foi declarada por 58% e o câncer de mama o mais relatado. Quando questionados sobre a ocorrência de câncer desencadeado ou não por alimentos, 80% declararam que sim, sendo os alimentos industrializados, os vegetais com uso de agrotóxico e os transgênicos os mais citados. Relacionado a prevenção de câncer por meio de alimentos, 82% declararam que sim, e citaram frutas, verduras e legumes, 53% dos entrevistados, consumiam frutas, verduras e legumes semanalmente, 80% carne, ovos, leite e derivados; 80% açucares e gorduras; 58% embutidos; e 80% bebida industrializada. Apenas 42,5% dos entrevistados relataram já ter procurado auxílio de um nutricionista. Conclusões: Notou-se a necessidade de conscientizar a população dos perigos da alimentação e fornecer informações para contribuir com a prática da alimentação saudável.

Publicado
2020-10-19
Seção
Artigos