Problema Inverso Aplicado a Equação de Antoine para Acetona e Etanol

Resumo

Os Algoritmos Evolucionários (AEs) são métodos de otimização não determinísticos amplamente utilizados na literatura, e encontram grande relevância e larga utilização em problemas envolvendo funções não lineares, não diferenciáveis ou multimodais. A Evolução Diferencial (ED) é um algoritmo que possui elementos dos AEs, como o operador de mutação, cruzamento e seleção, mas difere na geração de novos indivíduos. Neste trabalho, utilizou-se o algoritmo da ED na resolução do problema inverso da determinação dos coeficientes da equação de Antoine para a acetona e o etanol. Para tal, foram usados dados de temperatura e pressão disponíveis no Dortmund Data Bank (DDB) e foram realizadas 30 simulações para cada parâmetro da taxa de perturbação (F) e da probabilidade de cruzamento (CR). As previsões de pressão calculadas utilizando-se os parâmetros obtidos pelo processo estocástico apresentaram maior concordância com os dados experimentais quando comparadas com as previsões obtidas através dos parâmetros consultados na literatura.  

Biografia do Autor

Ademilton Luiz Rodrigues de Souza, Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca

DSc. – Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, CEFET/RJ.

Daniel Gomes Ribeiro

DSc. – Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, CEFET/RJ.

Leonardo de Souza Grigorio

DSc. – Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, CEFET/RJ.

Igor Meirelles Martins

Graduando – Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, CEFET/RJ.

Vitor Salles Bittencourt Muniz

Graduando – Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, CEFET/RJ.

Publicado
2021-10-11
Como Citar
de SouzaA. L. R., Daniel Gomes Ribeiro, Leonardo de Souza Grigorio, Igor Meirelles Martins, & Vitor Salles Bittencourt Muniz. (2021). Problema Inverso Aplicado a Equação de Antoine para Acetona e Etanol . REVISTA CEREUS, 13(3), 184-195. Recuperado de http://ojs.unirg.edu.br/index.php/1/article/view/3540
Seção
Artigos