PROFESSOR DE LÍNGUA INGLESA : UMA RELAÇÃO AFETIVA OU PROFISSIONAL?

  • rosemeire parada granada unirg/ UFT

Resumo

Neste trabalho, apresento algumas considerações sobre como o afeto socialmente construído pode influenciar o processo de aprender e ensinar língua inglesa. O foco principal dessa pesquisa foi o professor e suas emoções com relação à disciplina a qual leciona. A Prática Exploratória foi o arcabouço filosófico do qual lancei mão para desenvolver esta pesquisa, a qual foi conduzida de forma bibliográfica. Apresento discussões acerca do tema apoiando-me em literaturas da área tal como Barcelos (2015) que parte de uma perspectiva das ações e emoções de professores de Língua Inglesa. Os resultados apontaram que além da condição de profissional, há o envolvimento afetivo do professor com a Língua Inglesa que está também relacionado à motivação.

 

Palavras-chave: Professor de Língua Inglesa. Afeto.  Profissionalismo.

Biografia do Autor

rosemeire parada granada, unirg/ UFT

Mestre em Língua e Literatura pela Universidade Federal do Tocantins – UFT. Atualmente leciona e pesquisa na Universidade de Gurupi- Unirg na área de formação de professores de  LE e questões acerca do tema. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Inglesa. E-mail: meiregranada@gmail.com

Publicado
2019-12-20
Seção
Artigos