CAMINHO MÍNIMO DE REDES CONECTADAS UTILIZANDO GRAFOS

  • João vitor Azevedo Jacundá Santos Universidade Federal do Tocantins - UFT
  • George Lauro Ribeiro de Brito Universidade Federal do Tocantins - UFT http://orcid.org/0000-0001-9356-4443
  • Gentil Veloso Barbosa Universidade Federal do Tocantins - UFT

Resumo

Neste trabalho propõe-se desenvolver e implementar modelos matemáticos capazes de descrever o comportamento do caminho mínimo em redes conectadas, aplicando técnicas de otimização em problemas apresentados na literatura e buscando relacionar um problema real que possibilite utilizar os conhecimentos adquiridos. Com esses objetivos, foram implementados e analisados quatro algoritmos encontrados na literatura: de Dijkstra, Ford/More, Floyd, Dantzig. Para validação das técnicas os’ algoritmos foram aplicados à Rede Ipê da RNP para verificar a funcionalidade e definição do caminho ótimo entre os PoPs utilizando o atraso como ponto de decisão. O problema do caminho mínimo está intimamente ligado ao nosso cotidiano, e embora algum algoritmo tenha se mostrado mais eficiente, não devemos nos limitar a ele. Cada algoritmo encaixa-se melhor numa determinada situação.

Biografia do Autor

João vitor Azevedo Jacundá Santos, Universidade Federal do Tocantins - UFT
Estudante de Ciência da Computação - UFT
George Lauro Ribeiro de Brito, Universidade Federal do Tocantins - UFT

Técnico em Agronegócio

Bacharel em Engenharia Elétrica

Especialista em Gestão Pública

Mestre em Engenharia Elétrica

Doutor em Engenharia Elétrica

Pós Doutor em Tecnologias Educacionais

Gentil Veloso Barbosa, Universidade Federal do Tocantins - UFT

Tecnológo em Processamento de Dados

Mestre em Ciência da Computação

Doutor em Engenharia de Sistemas e Computação

Publicado
2019-11-13
Seção
Artigos