Nível de conhecimento da população de Santa Rita do Araguaia, GO, sobre o descarte de medicamentos e o impacto ambiental produzido

  • Euvani OLiveira Sobrinho Linhares Universidade Brasil
  • Paula Fernanda Gubulin Carvalho Centro Universitário de Votuporanga - UNIFEV
  • Danila Fernanda Rodrigues Frias Universidade Brasil

Resumo

O presente estudo teve por objetivo avaliar o nível de conhecimento da população de Santa Rita do Araguaia, GO, sobre o descarte de medicamentos. Os dados foram coletados por meio da aplicação de questionário a 105 pacientes cadastrados no Programa Saúde da Família. Dentre os entrevistados, 66,7% eram mulheres, 40% possuíam idade acima de 42 anos, e 42,8% ensino superior. Relataram usar medicamentos apenas prescritos pelo médico, 80,1%, e 47,6% os adquirem no Posto de Saúde. O armazenamento de medicamentos foi relatado por 64,7%, destes 92% os mantém na embalagem original, e 89% os armazenam nos armários. Descartam medicamentos vencidos 90,5%, sendo 62,8% destinados ao lixo comum e 16,2% ao esgoto doméstico. Dos participantes da pesquisa, 77% relataram nunca haver recebido orientação sobre a forma de realizar o descarte correto de medicamentos. Ficou evidente a ausência de conhecimento da população sobre a importância e correta destinação dos resíduos de medicamentos, deixando claro a necessidade de instituição de programas educativos visando maior esclarecimento e sensibilização da sociedade.

Publicado
2020-12-17
Seção
Artigos